Casa Aqua nos 30 anos de Casa Cor

Casa Cor 2016 - Casa Acqua _ Foto Caio Amaral 0350geral2

Inspirar pessoas sobre práticas sustentáveis no universo do morar é um dos princípios da Casa AQUA, projeto que se tornou ícone ambiental no país e que chega em 2016 como destaque na maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas, a CASA COR − de 17 de maio a 10 de julho, no Jockey Club de São Paulo.

fotógrafo André Pinheiro23baixa
Após um ano e meio de planejamento, a Inovatech Engenharia, idealizadora do conceito Casa AQUA, e a CASA COR, apresentam aos visitantes uma construção desmontável, com quatro volumes independentes, autônoma em energia elétrica e com baixo consumo de água potável.
“O objetivo é levar para a mostra uma residência compacta com múltiplos usos para cada um dos ambientes. Esses podem ser desmontados e montados conforme o crescimento da família, ou diminuídos. Sempre aliados a estratégias de projeto, materiais e soluções sustentáveis que contribuem para redução drástica da pegada de carbono”, ressalta Luiz Henrique Ferreira, diretor da Inovatech Engenharia.

fotógrafo André Pinheiro16baixa
O projeto de arquitetura, assinado por Rodrigo Mindlin Loeb e Caio Dotto, traz mobiliário criado por Paulo Alves, curadoria de interiores de Zizi Carderari e paisagismo de Daniela Sedo. “Time que acreditou no projeto desde o início e, junto com especialistas, fornecedores e parceiros, o tornou realidade”, completa Ferreira.
“Uma das missões da CASA COR é apresentar aos visitantes tendências e inovações no morar, e a CASA AQUA é um exemplo disso. Esse projeto desafia um olhar sobre as questões sustentáveis e a necessidade de refletirmos sobre a utilização consciente de recursos dentro das nossas casas”, comenta Livia Pedreira, Diretora Superintendente da CASA COR.

Soluções sustentáveis

Com 50 m² de área, a casa utilizou tecnologia construtiva finlandesa da empresa Kronan, que permitiu a entrega da obra em apenas 10 dias. Esse sistema é constituído de placas de concreto pré-fabricadas, em painéis que substituem os pilares, vigas e alvenarias de uma construção. Aliado às fachadas ventiladas implantadas, garante desempenho térmico e energético. Para a Casa Cor, foi pensado sistema com ligações parafusadas, que permitirá a desmontagem da casa, transporte e montagem em outra localização.
Para garantir o conforto térmico dos usuários optou-se por sistema de fachadas ventiladas e cobertura verde. A fachada ventilada é uma solução que cria um colchão de ar entre a estrutura da casa e o acabamento externo, promovendo desempenho térmico, acústico e energético. Além disso, reduz os índices de umidade dos ambientes internos, uma vez que evita o contato direto da água da chuva com a estrutura do edifício, e permite que a umidade interna saia mais facilmente de dentro dos ambientes para a parte de fora da construção.
A Casa AQUA foi concebida para ser autônoma no consumo de eletricidade e é equipada com painéis fotovoltaicos que vão gerar energia. Essa energia será utilizada para alimentar a iluminação e tomadas, bem como carregar um veículo elétrico. A solução é possível devido ao projeto arquitetônico, pensado para que a casa não possua ar-condicionado e tenha iluminação natural, além de equipamentos elétricos eficientes e lâmpadas de LED de baixo consumo.
O sistema de automação instalado na casa permitirá monitorar em tempo real o consumo de energia elétrica gerada pelos painés fotovoltaicos, bem como controlar dispositivos remotamente. A expectativa é reduzir a ordem de 30% no consumo em comparação com uma residência sem um sistema de monitoramento.
Para o aproveitamento de água de chuva, foi implantado sistema que segue o conceito de modularidadee adaptabilidade da construção para as diversas fases da vida do usuário. São módulos de 97 litros que podem ser interligados no sistema “plug and play”, conforme as necessidades de água não potável aumentam ou diminuem ao longo dos anos.
Todos os materiais e acabamentos especificados possuem desempenho ambiental. Os decks da Casa AQUA são em madeira plástica. A composição do material é de até 95% de plástico reciclado, ou seja, sacolinhas de supermercado e frascos de detergente são transformados em matéria prima. Além disso, possui manutenção reduzida, com garantia que pode chegar a até 20 anos sem necessidade de tratamento, apenas limpeza periódica com água e sabão neutro, o que ajuda o meio ambiente e interrompe o ciclo de descarte de plástico.

Casa Cor 2016 - Casa Acqua _ Foto Caio Amaral 0355geral2_1
O projeto paisagístico, de Daniela Sedo, utilizou espécies tropicais com ênfase em plantas nativas; painel com hortaliças e flores comestíveis; jardim suspenso com lajes forradas de vegetação, para diminuir a temperatura interior; e irrigação automática com sensor de umidade do solo e chuva do jardim. Um tocheiro a álcool Construflama aquece o jardim nos dias mais frios, garantindo o aproveitamento da área externa da casa.

Mindlin Loeb e Dotto 3 corteCasa Cor 2016 - Casa Acqua _ Foto Caio Amaral 0363geral2

Eventos vão debater o “estilo de vida sustentável”

A Casa AQUA organiza série de eventos para debater o “estilo de vida sustentável”. Com curadoria da Ateliê de Textos, agência de comunicação corporativa, as ações acontecerão na área externa (deck) e em torno de uma mesa para aproximadamente 30 pessoas.
Para atender a diferentes públicos, as atividades vão ocorrer em diferentes dias e horários, com agenda concebida com o objetivo de influenciar os visitantes sobre a importância da adoção de práticas de consumo consciente e estilo de vida que cause menos impacto ambiental.

Fotos gerais André Pinheiro, fotos da lareira Caio Amaral Falcão

site:

www.casaaqua.com.br
www.inovatech.eng.br

Casa AQUA e CASA COR
Período: de 17 de maio a 10 de julho
Horário: Terça a quinta, das 12h às 21h
Sexta, sábado e feriados, das 12h às 21h30
Domingo, das 12h às 20h
Local: Jockey Club de São Paulo
Endereço: Avenida Lineu de Paula Machado, nº 775 – Cidade Jardim

Ingressos
De terça a quinta-feira
Ingresso inteiro: R$ 52,00
Ingresso de estudante: R$ 26,00
Ingresso senior (para pessoas com 60 anos ou mais): R$ 26,00

Sexta, sábado, domingo e feriados
Ingresso inteiro: R$ 65,00
Ingresso de estudante: R$ 32,50
Ingresso sênior (para pessoas com 60 anos ou mais): R$ 32,50

Passaporte único: R$ 150,00

Valet: R$ 25,00
Endereço: Avenida Lineu de Paula Machado, nº 775 – Cidade Jardim

Deixe uma resposta